livros_novidades_bertrand Outubro 29

Tags

Os livros que acabaram de chegar

livros_novidades_bertrand

Estas são algumas das novidades que acabaram de chegar às nossas livrarias.

29 de outubro
Paz traz Paz - Afonso Cruz
Paz Traz Paz, de Afonso Cruz

Afonso Cruz regressa a O Livro do Ano, de 2015, um dos livros recomendados pelo Plano Nacional de Leitura, para o 5.º ano. Com novas páginas do diário da menina que carrega um jardim na cabeça e atira palavras aos pombos, em Paz traz Paz temos acesso aos pensamentos, inquietações, experiências e sonhos de melhorar o mundo da menina. 

Afonso Cruz, que, além de escritor, é também ilustrador, músico e cineasta, conta já com vários prémios, entre eles o Prémio da União Europeia para a Literatura 2012 e o Prémio Autores para Melhor Ficção Narrativa, atribuído pela Sociedade Portuguesa de Autores. Foi também finalista do Prémio Fernando Namora e do Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores.

Agente em Campo, de John Le Carré

Considerado por muitos o mestre da escrita de espionagem, John le Carré regressa com novo livro.

O Agente em Campo é um retrato arrepiante do nosso tempo e traz-nos Nat, um veterano dos Serviços Secretos britânicos, que acredita que o seu tempo como controlador de agentes chegou ao fim e regressa a Londres com a mulher, Prue.

No entanto, há uma crescente ameaça do Centro de Moscovo e Nat é nomeado chefe do Porto de Abrigo, um subposto da Geral de Londres com espiões incompetentes. A única que se destaca é Florence, que tem aspirações ao departamento da Rússia.

O grande problema de Nat acaba por vir de onde menos espera, do seu adversário habitual dos jogos de badmínton: Ed, que odeia o Brexit, odeia Trump e odeia o emprego que tem numa impiedosa agência de comunicação. E é precisamente ele quem vai levar Prue, Florence e o próprio Nat pelo caminho de raiva política que acabará por os enredar a todos.

29 de outubro
Agente em campo - John le Carré

John le Carré colaborou pontualmente com os Serviços Secretos britânicos durante a Guerra Fria.

29 de outubro
Fábrica de Mentiras - Paulo Pena

Enquanto jornalista, Paulo Pena venceu o Prémio Gazeta – Revelação em jornalismo e o Prémio Jornalismo Económico.

Fábrica de Mentiras, de Paulo Pena

Vivemos numa época em que quase todos os dias nos cruzamos com fake news nas redes sociais. O fenómeno tem adquirido grandes proporções e a desinformação parece tomar conta dos nossos dias.

O jornalista Paulo Pena, da revista Visão, investigou os bastidores das fake news, nacionais e internacionais, e o resultado da investigação está neste Fábrica de Mentiras.

Esta é uma reflexão necessária sobre o jornalismo e a sua função mediadora na sociedade, contra a manipulação, ódio e mentiras.

Um livro atual e importante para compreender um fenómeno crescente e cada vez mais importante naquela que pode ser chamada a “era da desinformação“.

Lunáticos, de Safi Bahcall

Safi Bahcall é doutorado em física teórica e empreendedor na área da biotecnologia. Para escrever este livro, inspirou-se em Vannevar Bush, militar e cientista, que foi o primeiro a aplicar a transição de fases ao dia a dia de empresas.

Bush era engenheiro formado no MIT quando se alistou na Marinha, durante a Primeira Guerra Mundial. O atraso tecnológico que notou deixou-o alarmado. Conseguiu, então, uma audiência com o Presidente Roosevelt e essa reunião mudou o curso da história.

Bush percebeu que não havia ligação entre o mundo militar e o das ciências e, para resolver o problema, recorreu a uma das grandes ideias da física: a transição de fase.

Lunáticos, inspirado na técnica de Bush, leva-nos numa viagem ao passado, presente e futuro da inovação. Usa exemplos como a queda da Polaroid, Nokia e Xerox, a caça a terroristas online e até James Bond, que foi rejeitado por muitos estúdios antes de se tornar um êxito global.

29 de outubro
Lunáticos
31 de outubro
A luz de Pequim - Francisco José Viegas

Este é o nono livro de Francisco José Viegas em que aparece a persagem Jaime Ramos, que aparece, entre outros, em A poeira que cai sobre a terra e outras histórias de Jaime Ramos, em Um Crime na Exposição e ainda em Um Céu Demasiado Azul.

A luz de Pequim, de Francisco José Viegas

Vencedor do Grande Prémio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores, Francisco José Viegas regressa aos romances e à personagem de Jaime Ramos com A Luz de Pequim.

Surge um corpo pendurado nos pilares da Ponte D. Luís, no Porto. Noutro ponto da cidade, nas colinas do Douro, o cadáver de uma mulher abandonado – e a evocação de uma série de crimes no submundo da noite portuense. Estas duas ocorrências acabam por revelar ligações nada surpreendentes para o inspetor Jaime Ramos, que, em simultâneo, enfrenta o seu passado de militante comunista, um inquérito interno à sua atuação na polícia, o estranho pedido de um velho amigo e a busca por uma personagem desaparecida, que o levará das ruas do Porto ao Minho e ao Douro e, finalmente, a Pequim.

Um romance denso, em que Jaime Ramos se interroga sobre o sentido de ser português num país dominado por elites cúmplices e poderes ocultos.

Ficou curioso?

Conheça estas e outras novidades, com 10% de desconto, na nossa livraria online. Boas leituras!