5 recordes literários para celebrar o Dia do Guinness World Records

Tudo começou com o objetivo de resolver discussões em bares. Originalmente chamado Guinness Book of Records, a ideia do Guiness World Records surgiu na década de 1950 quando Sir Hugh Beaver, na altura diretor administrativo da Cervejaria Guinness, participou numa festa de tiro. em Wexford, na Irlanda. Nessa festa, ele e alguns dos participantes envolveram-se numa discussão sobre a ave de caça mais rápida da Europa. Queriam uma resposta absoluta, mas nenhum livro de referência tinha a resposta que procuravam.

Em 1954, com essa discussão em mente, Sir Hugh teve uma ideia que prometia resolver todas as discussões do género: chamou os irmãos NorisRoss McWhirter, investigadores de factos na Fleet Street, e desafiou-os a criar um livro que compilasse factos e números. Foi assim que surgiu o primeiro Guinness Book of Records.

Hoje em dia, os recordes certificados no Guinness World of Records vão desde o edifício mais alto do mundo (o Burj Khalifa, no Dubai) à maior pizza do mundo (tinha 1261,65 metros quadrados e o recorde foi estabelecido em Roma, em 2012), passando pela pessoa mais alta do mundo (que mede 2,51m) e até pelo hit musical com mais palavras (o tema “Rap God”, de Eminem, tem 1560 palavras e 6 minutos e 4 segundos de duração).

Também não faltam, é claro, recordes relacionados com livros e literatura, dos quais lhe apresentamos alguns de seguida.

O maior número de livros derrubados como um dominó

Como parte do evento de lançamento da versão alemã do Guiness World Records 2016, a organização da Feira do Livro de Frankfurt, na Alemanha, juntou 10.200 exemplares do livro e colocou-os, em sequência, no chão, como se de um dominó se tratasse.

A sequência precisou de doze pessoas para a preparar ao longo de onze horas. No final, o recorde foi estabelecido em pouco mais de um minuto, como pode ver no vídeo abaixo.

A pessoa mais nova do mundo a escrever um livro

Em 1962, a norte-americana Dorothy Straight estabeleceu um impressionante recorde mundial: com apenas quatro anos – sim, leu bem: quatro anos – Dorothy tornou-se a pessoa mais nova do mundo a escrever um livro. O livro, How the World Began, foi publicado dois anos depois, em 1964, mostrando que o talento realmente não escolhe idade.

A ideia para o livro terá surgido após a mãe lhe ter perguntado: como surgiu o mundo? A resposta inquietou a pequena Dorothy, que escreveu e desenhou a resposta de um dia para o outro. Os pais gostaram tanto da originalidade da filha que enviaram o trabalho para uma editora.

Imagem: Pinterest
O livro de ficção mais vendido em 24 horas

Em 21 de julho de 2007, depois uma de uma longa espera, os fãs de Harry Potter tiveram finalmente nas mãos o último volume da saga de J. K. Rowling: Harry Potter e os Talismãs da Morte. A prova de que o livro era muito aguardado é que este se tornou o livro de ficção a vender mais volumes em apenas 24 horas, um recorde mundial que ainda se mantém. As vendas do livro no primeiro dia atingiram os 8.300.000 dólares, o equivalente a cerca de 7.490.000 euros.

Maior número de livros assinados numa sessão de autógrafos

Quando Vickrant Mahajan chegou à sessão de autógrafos do seu livro Yes Thank You Universe, a 20 de janeiro de 2016, não devia imaginar que aquela sessão só iria acabar após 6.904 livros assinados.

A sessão ocorreu em Jammu, na Índia, e é, até à data, a sessão de autógrafos em que mais livros foram assinados. Uma proeza nada fácil de repetir.

A Livraria mais antiga do mundo em atividade

Não podíamos, claro, terminar sem referir o recorde livrólico que mais nos toca: o Guiness World Records reconheceu, em 2011, que a Livraria Bertrand do Chiado é a livraria mais antiga do mundo em funcionamento.

A primeira Bertrand abriu portas em 1732, fundada por Pedro Faure, na Rua Direita do Loreto. Depois do Terramoto de 1755, o seu genro foi obrigado a mudar a livraria para a Capela de Nossa Senhora das Necessidades. Só regressou à baixa pombalina, à Rua Garrett, dezoito anos depois e por lá ficou até aos dias de hoje. Além de poder visitar a nossa livraria no Chiado, hoje em dia pode também acompanhá-la virtualmente através dos perfis de Facebook e de Instagram. Saiba mais sobre a nossa história aqui.

Descubra os recordes mais recentes com o livro do Guinness World Records 2020:
Sofia Costa Lima
Sofia Costa Lima
Coordenação Editorial: Marisa Sousa