Category Archives: Livrólicos

Miguel Somsen | O livro da minha vida

Nesta edição da Revista Somos Livros, algumas figuras públicas partilham connosco qual o livro da sua vida. Miguel Somsen elege ‘As Viagens de Gulliver’, de Jonathan Swift.

Abril 17

Vício de cinco letras

A Revista Somos Livros de abril já chegou às livrarias

Abril 16

Ler não dá sono, ler dá SONHOS

Abril 10

Herman José | O livro da minha vida

Nesta edição da Revista Somos Livros, algumas figuras públicas partilham connosco qual o livro da sua vida. Herman José elege ‘A Morte em Veneza‘, de Thomas Mann – Prémio Nobel da Literatura em 1929.

Abril 09

‘O poeta é como o princípe das nuvens’

  Dia de recordar Charles-Pierre Baudelaire (9 de abril de 1821-31 de agosto de 1867). Poeta boémio (ou dandy ou flâneur) e teórico da arte francesa, é considerado um dos precursores do simbolismo e reconhecido internacionalmente como o fundador da tradição moderna em poesia, juntamente com Walt Whitman – embora tenha se relacionado com diversas […]

Março 08

As mulheres aspiram a casa para dentro dos pulmões

Dia Internacional da Mulher

Fevereiro 12

Há 286 anos que aprendemos consigo

Há 286 anos que aprendemos consigo Juntos, já testemunhamos 1 terramoto, 1 guerra civil, 9 reis, 1 regicídio, 3 repúblicas, 6 golpes de estado, 2 guerras mundiais, a construção do muro, a queda do muro, a unificação da Europa, a entrada do Euro, 20 presidentes e 21 governos constitucionais. Juntos, deixamo-nos contagiar por impensáveis invenções, […]

Fevereiro 08

Júlio Verne (8 de fevereiro de 1828 – 24 de março de 1905)

  Júlio Verne (8 de fevereiro de 1828 – 24 de março de 1905)   Foi o criador do romance de antecipação científica. Celebrizou-se com A Volta ao Mundo em Oitenta Dias (1873), Cinco Semanas em Balão (1863), Viagem ao Centro da Terra (1864), Da Terra à Lua (1865), Vinte Mil Léguas Submarinas (1870) e […]

Janeiro 29

Sejamos ridículos

Nos livros, como na vida, acreditamos nos amores à primeira vista. Acreditamos no cheiro que nos vicia, no toque que nos envolve, nas linhas retas onde somos heróis e princesas, poetas e trovadores, cumplicidades reencontradas, enredos com banda sonora, sinestesia de olhares, respirações alinhadas ao ritmo de poemas. Acreditamos desde 1732. Juntos, testemunhamos lágrimas, intrigas, […]

Janeiro 24

Não acredito na monogamia

Janeiro 17

‘Faltas-me tu poesia cheia de truques’

Palavras não me faltam (quem diria o quê?), faltas-me tu poesia cheia de truques. De modo que te amo em prosa, eis o lugar onde guardarei a vida e a morte. De que outra maneira poderei assim te percorrer até à perdição? Porque te perderei para sempre como o viajante perde o caminho de casa. […]

Janeiro 12

‘Para não morrer de espanto…’

‘Nenhum de nós sabe o que existe e o que não existe. Vivemos de palavras. Vamos até à cova com palavras. Submetemo-nos, subjugamo-nos. Pesam toneladas, têm a espessura de montanhas, São as palavras que nos contém, são as palavras que nos conduzem. Mas há momentos em que cada um redobra de proporções, há momentos em […]